Buscar
  • Fael Fernandes

Setor óptico nacional enxerga retomada para 2019

Depois de anos enfrentando altos e baixos na receita, o setor óptico acredita em uma real retomada de crescimento da indústria óptica neste novo cenário brasileiro. Assim como a maioria dos setores que movimentam a econômica nacional, o óptico foi atingido pela instabilidade que dominou o País até 2018. O resultado foi uma queda de 2,1% no faturamento do setor (de R$ 21,5 bilhões) em comparação a 2017 (R$21,9 bilhões).

Diante das atuais possibilidades, a Associação Brasileira da Indústria Óptica (Abióptica), preocupada em agir rapidamente para estimular a produção e o investimento em inovação, enxergou como uma iniciativa ousada abrir as portas do maior evento do setor que acontece há 17 anos, a Expo Óptica Brasil (até 2018 Expo Abióptica) para companhias brasileiras não associadas e estrangeiras. Além da mudança no conceito e no nome da mais tradicional exposição, o presidente da Abióptica, Bento Alcoforado, acredita que tornando-a mais democrática e diversificada, fortalecerá a cadeia como um todo.“Promover a competitividade é um caminho saudável para a economia, pois demanda por transformação, gera entusiasmo e mais estratégia para alcançar novos objetivos”, comenta Bento Alcoforado, presidente da Abióptica.

O novo formato do evento, que acontece de 03 a 06 de abril no Transamérica Expo Center, em São Paulo, conta com cerca de 86 expositores confirmados para esta edição. Com a participação de empresas estrangeiras, de países como Alemanha, Coréia do Sul, Itália, China, EUA, Líbano, Espanha, Portugal, República Tcheca, entre outros, o profissional óptico que visitar a exposição, gratuitamente, terá acesso a uma ampla gama de produtos e serviços e, em primeira mão, às novidades que são tendência no mundo.

A grande vitrine do setor óptico

Fabricantes de lentes oftálmicas e de contato que já garantiram participação na Expo Óptica Brasil 2019 acreditam que o evento está caminhando para se consolidar como uma das principais vitrines de novidades do setor óptico na América Latina, já que além de palco dos grandes lançamentos do mercado, é uma excelente oportunidade de networking. “Na Expo Óptica Brasil apresentamos novidades e inovações, mas, acima de tudo, é um evento de encontro e relacionamento com profissionais de todo o país e fora dele. Na ocasião,  aproveitamos para ministrar aulas de atualização sobre nossos produtos e serviços, além de proporcionar experiências e demonstrações do que há de mais novo em nosso setor”, comenta Pedro Janowitzer, diretor de marketing da Essilor Latam, empresa detentora das marcas Varilux®, Crizal®, Transitions®, Eyezen™, Xperio®.

Para António Mendes, diretor de unidade de negócios de Vision Care da Alcon, uma das maiores fabricantes de lentes de contato e produtos para lentes do mundo, a Expo Óptica Brasil também tem grande participação na evolução da indústria brasileira do segmento. “Acreditamos muito no crescimento desse segmento no Brasil. Os dois últimos anos, 2017 e 2018, foram muitos positivos para a Alcon, períodos em que tivemos uma virada e um investimento relevante em tecnologia, inovação e diversificação de produtos”, comenta. Também estão entre os expositores de lentes oftálmicas e de contato as empresas Zeiss, Fhocus e Coopervision.

O foco é inovação

Realmente otimista, a Abióptica está apostando pela primeira vez em uma área de inovação chamada de “Inova Hub”, uma arena que reúne startups que desenvolveram tecnologias especialmente idealizadas para o setor. A ClickVision, por exemplo, leva para a Expo Óptica Brasil deste ano o espelho virtual – criado para experimentação de armações e solares sem a necessidade de manusear o produto. “A proposta é, literalmente, a de levar novidades para as óticas, que ainda investem timidamente em inovação. Nossa intenção é mudar o formato da venda e da compra para diminuir o interesse do cliente em produtos piratas”, explica Valter Pieracciani, responsável pelo projeto na Expo.

Outra empresa especializada em soluções de tecnologia e consultorias para o segmento ótico, a Optidados, apresentará durante o evento, entre outras novidades, o Optifit, um consultor ótico e inovador pupilômetro digital via tablet. Além de medir DNP (distância naso-pupilar), altura, diagonal maior, ponte, curva vértice, ângulo panorâmico e pantoscópio de forma fácil, prática e objetiva, ainda facilita a venda de lentes e armações através do uso das ferramentas de demonstração em realidade aumentada. Já o Grupo Acert, que também atua com desenvolvimento de softwares para o setor, levará para a Expo Óptica Brasil o ERP SGO, um sistema de gestão 100% direcionado ao segmento de laboratórios e distribuidoras de produtos ópticos e focado em automatizar processos e integrar todas as áreas do negócio. 

Mercado otimista

Agora muito mais recheada de novidades e com o dobro de expositores do que as edições passadas, a Expo Óptica Brasil 2019 promete revolucionar o setor óptico. “Preparamos uma série de atrações para os visitantes e expositores, como o Espaço Descompressão, que oferece serviços gratuitos de barbearia, cabeleireiro, manicure, maquiagem e massagem. Estes serviços serão disponibilizados por meio de tickets que serão entregues pelos expositores em seus estandes. Também teremos o 1º Encontro de Influenciadores do Setor Óptico. Queremos aproveitar a força dos influenciadores no meio digital para levar ao público informações relevantes sobre o setor óptico, principalmente sobre a importância dos cuidados preventivos com a saúde ocular. Receberemos mais de 50 influenciadores digitais no último dia de evento”, conta Ambra Nobre Sinkoc, assessoria da presidência da Abióptica.

Diante disso, espera-se um aumento de 25% no número de visitantes em relação a 2018, além de um bom incremento sobre o valor de negócios gerados em relação ao ano passado. O que sustenta esse otimismo é que a edição de 2019 acontecerá em um cenário econômico muito mais favorável para o país e para o setor óptico. “Nossa expectativa é reverter o desempenho de 2018, que teve uma queda significativa no faturamento em comparação ao ano anterior. Apostamos em um crescimento em torno de 10% para 2019, superando R$24 bilhões em faturamento”, finaliza.

Website: http://www.expoopticabrasil.com

Fonte: https://exame.abril.com.br/negocios/dino/setor-optico-nacional-enxerga-retomada-para-2019/

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Setor óptico cresce 3,7% no primeiro trimestre de 2019

Levantamento foi realizado pela Associação Brasileira da Indústria Óptica (Abióptica). Entidade atribui saldo positivo ao otimismo em torno da retomada econômica Após encerrar 2018 com queda de 2,1% e

© 2017 por TAMI. Todos os direitos reservados.

  • w-facebook
  • w-flickr

Baixe  nosso Catálogo Aqui!